Free Sex Stories

primeira vez na casa de swing

Tenho 20 anos, sou baixa, morena, magra, olhos verdes e com uma bunda bem avantajada. Eu e meu namorado gostamos muito de exibicionismo e ele sempre me fazia proposta de ir até um clube de swing mas eu sempre negava, achava que era uma bagunça total. Depois de muito conversarmos, aceitei que fossemos. Chegou o grande dia! Coloquei uma saia de renda apertada, quase mostrando a polpa da bunda, um top preto, um salto fino e um sobretudo. Chegando no local me surpreendi. Para vocês mulheres ou até mesmo homens que poss Continue»

Fantasia à realidade

Esta é uma história verídica passada há pouco tempo. Estávamos no verão bastante quente na nossa casa de féria no norte do país. Sempre que vamos de féria convidamos alguns amigos nossos para passarem as férias connosco e assim sendo é sempre mais divertido. Como é habitual jantamos sempre tarde e com muito álcool à mistura. Nessa noite foi uma noite temática “Sul Americana” muitas caipirinhas, Mojitos e Daiquiris à mistura. A noite já ia longa quando decidimos sair e irmos para uma disco local. C Continue»

Esposa cavalona titio pirocudo 3

No dia seguinte ao filme as coisas transcorreram normalmente, os dois trocavam olhares meio cúmplices mas não passaram disso, até cheguei a achar que as putarias iam acabar depois do que tinha acontecido, porém me enganei mais do que nunca. Durante o jantar Carol comentou que tinha adorado o filme, meu tio disse que também havia pensado a mad**gada inteira no “filme” e que até estava com vontade de ver outro. - Não seja por isso – retrucou minha esposa – depois que eu lavar a louça podemos assi Continue»

Aventura na sexshop

A minha última mamada pública foi numa sex shop no centro de Lisboa, com cabines de vídeos porno. Fui lá procurar uma lingerie nova para mim, aproveitando a minha hora de almoço, e vejo um cota à volta dos 55 anos a chamar-me para as cabines de vídeo... como gosto de andar vestida de menina por baixo das minhas roupas, foi só entrar tirar as calças e calçar os meus saltos altos. De um momento para o outro estava uma verdadeira secretária bem vacarrona. De saia preta, saltos altos, umas meias de ligas e uma Continue»

Coração partido consolado por uma tr

*NOTA: OS NOMES FORAM ALTERADOS PARA MANTER A PRIVACIDADE DOS ENVOLVIDOS* Essa história é de 2008, na época eu morava sozinho em São Paulo. Tudo ia bem, meu trabalho dava para me sustentar, eu saia com uma garota, a Amanda, que eu realmente gostava e morava num prédio com vizinhos bem de boa. Desses vizinhos, tinha um caso curioso, a minha vizinha de porta. Ela também se chamava Amanda e era bem gostosa. As duas Amandas eram loiras e lindas, mas enquanto a minha era despeitada e de olhos verdes, a vizinha tinha Continue»

namorada rsmunga

namorada resmunga: I, 19, chegou em casa na noite da discoteca. Na sala de estar notei pela primeira vez em muitas garrafas de vinho e licor. Pouco tempo depois, eu vi que alguém estava a dormir no quarto de hóspedes que a porta estava aberta. Quando saí do banheiro, eu podia ver uma mulher com o cone de luz. I deslocado para ver mais suavemente para a porta. Ele era um bom amigo de minha mãe. Cerca de 50 anos de idade, com curvas voluptuosas, casado com 2 filhos adultos que eram mais velhos do que eu. Deitou-dm p Continue»

mãe

Como você começa a sua própria mãe para f ....: Ideal: Você vive com ela e ela é única !! Se não, deixá-lo chegar a algo para viver por alguns dias com ela. Alguns problemas em seu apartamento, artesãos etc. Em seguida, verificar se ela dorme com entreaberta ou porta um pouco aberta. Isto faz quase todas as mulheres assim. Porta aberta? Perfeito. Depois, à noite com meia pau duro na próxima luz ambiente em diante, fazer algum barulho e posicioná-lo para que a mãe definitivamente vê tudo. Na noite s Continue»

Qual Filme?

Naquele momento da tarde, Fernando estava debruçado sobre o balcão aguardando algum potencial cliente entrar. Pele morena, olhos castanhos, quase um metro e oitenta de altura, corpo atlético e um sorriso cativante. Seu objetivo era se tornar gerente de loja. Gostava de trabalhar com pessoas. Muito simpático, atraía muitos clientes e, as vezes, algumas vendedoras. Karen foi uma dessas vendedoras que se sentiram atraídas pelo jeitinho de Fernando. Loira, de pele clara, olhos castanhos-claros esverdeados que se Continue»

"A segunda visita a um club de Swing "

Para acabar com a sufocante curiosidade ... "A segunda visita a um club de Swing " Apesar de pensarmos que na segunda vez será sempre mais fácil ... Esqueçam ! Isso é mito . Se não for pior é igual , não vai faltar os nervos nem a típica dor de barriga . O jantar nem passava , a hora estava cada vez mais próxima e a vontade de desistir também . O que vestir já foi mais fácil e tendo em conta que a noite teria uma festa temática onde seria de tema " dark " era só acrescentar a sens Continue»

FAZIA TUDO QUE O MEU TIO MANDAVA

Meu nome é Odete, moro em Curitiba, tenho 28 anos, sou solteira e resolvida profissional, afetiva e sexualmente. Até porque não saberia viver sem sexo. Sou leitora de contos e historias de sexo e resolvi me abrir e contar como comecei sexualmente, pois a HUNTER é uma revista sem preconceitos. Minha iniciação não foi muito normal para os costumes de nossa sociedade, mas como nasci e cresci com outros costumes em casa, sexo era uma coisa normal e mais gostosa do mundo. Nasci e passei a infância numa área rura Continue»

a menina da construçao

teve uma vez eu tinha uns 5 anos estava eu brincando na rua perto de casa,mas eu havia me distanciado um pouco, quando me dou conta ,começa a formar um temporal ,ia chover logo e vi que não ia dar tempo de eu ir pra casa a tempo e começa a chuva meu vestido estava todo encharcado entrei numa casa em construção,pensei que não havia ninguém mas me enganei ,havia um homem la´que trabalhava na obra estava sozinho, eu me assustei ele logo me acalmou dizendo não se assuste,não tenha medo,não vou lhe fazer mal Continue»

Ferramenta do Pedreiro

Ola, meu nome é Ronaldo, 38 anos, 1,78 altura, moreno claro, 104kg, tenho uma vida como muitos brasileiros, saiu para trabalhar, gosto de assistir meu futebol, tomar minha cerveja, fazer um churrasco e claro sou louco por sexo, amo a sensação de sentir o corpo da minha mulher tremer quando chega ao orgasmo, ouvir os gritos de prazer os gemidos de tesão, sempre mando ela olhar pra mim enquanto esta me chupando ou quando estou fodendo ela, gosto de ver a cara de puta que ela faz pedindo pra eu comer com força. Esses Continue»

Minha mulher e o negrão

Não era a primeira vez que eu flagrava minha mulher, de soslaio, observando outro homem. Estávamos em um restaurante, entre uma garfada e outra ela resvalava os olhos à socapa, admirando aquele negro de quase dois metros a um canto. Excitei-me. Perguntei-lhe baixinho o que tinha aquele rapaz de especial, ela surpreendida resistiu em responder, mas à minha insistência disse: - Sua cor, acho linda. Concordei. Não puxamos mais assunto, terminamos a refeição e, à saída, sugeri a ela sentasse perto dele para c Continue»

O dia em que também fui puta

Naquele dia a vi se arrumando para sair, maquiava-se com requinte e vestira uma blusinha amarela, calça jeans e tênis. Resolvi interferir. - Querida, por que você não coloca aquela sainha de brim, bem curtinha e uma sandalinha? Minha mulher olhou bem para mim e perguntou: - Tem certeza? Sabe que os homens ficam loucos quando visto aquela minissaia. - Mas não é isso mesmo que você vai fazer? Não vai caçar machos? – questionei. - Tem razão, vou mesmo. Quer que convide algum para casa hoje? - Sim, estou Continue»

Esposa cavalona e titio pirocudo 2

Quem leu a primeira parte sabe como minha esposa loira, cavalona e vadia começou a se insinuar para meu tio caralhudo, os que não leram eu convido a ler a primeira parte... Na manhã seguinte a que meu tio dormiu em nossa cama, o sol saiu e começamos a consertar o telhado, minha esposa sempre em volta,limpando a calçada com um vestidinho curto e soltinho, e eu e meu tio tirávamos as telhas quebradas e substituíamos pelas novas, quando estava quase no fim minha esposa cismou que queria ver como havia ficado o c Continue»

A BABA NANNY

A babá o havia preparado: "As crianças são colocadas para a cama e dormir já! Vou à noite chegar mais tarde hoje visitar um amigo - se você não se importa "Robert agradeceu e sabia que já, esta será uma aventura para ela, como ela já tinha repetidamente. E ele estava bem preparada: o mini-câmera no banheiro fez o seu trabalho e por isso enviou imagens perfeitas em seu PC como ele poderia desejar ser. Sua esposa estava no sogros e filhos já na cama - o que mais você precisa! Onze e meia anu Continue»

chuva ....

No dia um cavaleiro virou-me Eu estava louco, eu estava molhado e eu estava com raiva. Foi no meio do verão e que não deveria ser assim, o dia tinha começado tão bem. Hubby me caiu no shopping para fazer um pouco de terapia de varejo; sapatos, maquiagem e como sempre lingerie e brinquedos. Agora, o bastardo tinha me deixado fazer o meu próprio caminho de casa, uma chuva torrencial e nos saltos altos. Laden com sacos eu marchei para o ponto de táxi onde eu vi uma enorme linha e alguns carros. Do outro lado Continue»

entregar a minha puta

Lorena era muito calma desde a última foda que tinha esfregado fora de meus colegas de escritório em nossa própria casa. À noite eu recebi com poses sensuais quando voltei do escritório e à noite ela coloca muito mais afetuoso. Era raro naqueles dias não acordar no meio da mad ** gada com a minha boca doce esposa em torno de meu pau é bem firme. Nós pegamos até o amanhecer e ficou abraçado, muito cansado, mas também muito relaxado. Até a tarde Lorraine me chamou para me dizer que Carlos tinha rea Continue»

Dia do meu Casamento

O que vou relatar não vai ser compreendido pela maioria das pessoas pois engloba relacionamentos que não posso aqui descrever como começaram mas tudo aconteceu realmente. Casei-me no dia em que fiz 23 anos, foi um dos dias de maior felicidade mas também de mais nervosismo de toda a minha vida que durante o dia fui aliviando com sexo e a primeira situação foi logo as 7 horas da manhã fazendo um broche ao meu irmão no carro quando ele me foi levar à cabeleireira, depois já em casa com a ajuda da minha irmã mas Continue»

tempo volta pra trás

Esta história é verdadeira e aconteceu na minha infância, tinha eu por volta dos meus 16 anos altura das punhetas e da tesão louca. Todas as férias de verão ia para a casa dos meus avós que era no campo, pois eles tinham um pomar e faziam comercio de frutas,e durante os dias costumava ajudar ou andar pelo pomar onde estavam os trabalhadores. Haviam vários trabalhadores entre eles um casal que estava deslocado e por isso moravam no pomar numa casa cedida pelos meus avós, esse casal tinha uma filha mais ou me Continue»